4 principais torneios de tênis que você precisa conferir!

3 minutos para ler

Uma cena comum: ligamos a televisão no domingo. Um torneio de tênis está acontecendo. As arquibancadas estão lotadas, os atletas parecem estar realmente se empenhando. Contudo, a dúvida paira no ar: que campeonato é esse, afinal?

O tênis profissional é um esporte apaixonante, mas pode ser difícil identificar suas diferentes competições. Neste post, falaremos sobre as mais importantes. Todas fazem parte do chamado Grand Slam, que reúne os atletas mais influentes, as maiores premiações e os troféus mais tradicionais. Acompanhe conosco!

Aberto da Austrália

O primeiro dos quatro principais torneios profissionais de tênis do calendário anual, o Australian Open é garantia de sucesso entre os fãs do esporte. É o maior evento esportivo anual do hemisfério sul e ocorre no Melbourne Park desde 1988 — contudo, ele é disputado desde 1905, sempre em janeiro.

O Aberto da Austrália é disputado em quadra dura e tem sido dominado pelo sérvio Novak Djokovic nos últimos anos. Ele venceu o torneio sete vezes desde 2008, o que o isola como grande vencedor no masculino. Inclusive, ele faturou o primeiro lugar em 2019, na categoria simples. Naomi Osaka foi a campeã no feminino.

Roland Garros

Esse torneio se tornou especialmente conhecido no Brasil pelas três conquistas do brasileiro Gustavo Kurten, a última delas em 2001. Também conhecido como “Aberto da França”, ele é disputado no saibro, entre maio e junho, na esplendorosa Paris.

Em 2019, o vencedor na categoria simples foi o espanhol Rafael Nadal, no masculino. Já no feminino, quem triunfou foi a australiana Ashleigh Barty. Nadal, inclusive, é uma autoridade no saibro: venceu 12 edições desde 2005.

Wimbledon

Esse é o torneio de tênis mais famoso (e prestigiado) do mundo. Sua tradição remonta ao primeiro ano de disputa, 1877, nos arredores de Londres, Inglaterra. Em Wimbledon, os atletas se enfrentam na grama, sempre em julho.

Um fato interessante é que nesse torneio os jogadores devem sempre se vestir de branco, seguindo as tradições da organização que criou a competição. E se você pensa que a longevidade fez com que o torneio se tornasse entediante, é hora de repensar os conceitos: a edição de 2019 teve uma das finais memoráveis de todos os tempos.

Novak Djokovic venceu uma partida de quase cinco horas contra outra lenda, o suíço Roger Federer. Um fato importante é que o duelo reuniu dois atletas já veteranos: um de 32 anos, outro de 38. É sinal de que o tênis faz mesmo bem à saúde!

US Open

Aqui, temos o último Grand Slam da temporada, já que o torneio ocorre entre o final de agosto e setembro, de modo geral. Nova York é a megalópole que o sedia desde 1881, quando ele ainda era conhecido como o Campeonato Nacional dos EUA.

Tal como o Roland Garros, a cidade-sede é uma das atrações principais. Afinal, poucas coisas são melhores do que assistir exibições esportivas de alto nível e ainda andar livremente pela maior cidade dos Estados Unidos, com todas as suas opções de entretenimento e turismo.

Esse torneio de tênis é disputado na quadra dura. Em 2019, Rafael Nadal foi o vencedor na categoria simples masculina, enquanto Bianca Andreescu faturou no feminino. Como pudemos ver, não faltam opções para o amante do esporte se programar a partir de agora.

E aí, curtiu o post e quer saber mais sobre como a prática esportiva proporciona o bem-estar? Então, leia agora mesmo o nosso post sobre os muitos benefícios do tênis para a saúde!

Posts relacionados

Deixe um comentário